Transferências Monetárias e Arquiteturas Digitais para a Proteção Social é tema de Seminário MERCOSUR

14 nov

Transferências Monetárias e Arquiteturas Digitais para a Proteção Social é tema de Seminário MERCOSUR

Em 23 de novembro, no âmbito da Presidência Pro Tempore do MERCOSUL do Uruguai, será realizado o Seminário Internacional “Transferências Monetárias e Arquiteturas Digitais para a Proteção Social – Tendências e novos desafios”.

 

O Seminário é coordenado pelo Ministério do Desenvolvimento Social do Uruguai (MIDES), com o Instituto Social MERCOSUL, no âmbito do projeto “MERCOSUL Social” financiado pelo Fundo para a Convergência Estrutural do MERCOSUL (FOCEM).

 

A atividade é gratuita e aberta a todos, e acontecerá das 9h às 17h30 no Hotel NH Columbia em Montevidéu, Uruguai (Sala Misiones, Rambla Gran Bretaña, 473). Também poderá ser acompanhado virtualmente via Zoom –  https://us02web.zoom.us/j/81828366931 – e YouTube – https://www.youtube.com/@ISMasuncion , além da página do ISM – http://www.ismercosur.org/es/live/ .

 

Para confirmar a presença, virtual ou presencial, na atividade, deve registar-se aqui.

 

Sobre o Seminário

O objetivo do Seminário é promover o intercâmbio e o debate em torno dos avanços e desafios enfrentados atualmente pelos sistemas de proteção social da região em relação às transferências monetárias destinadas às populações socioeconomicamente vulneráveis, após a crise sanitária e econômica decorrente da pandemia de Covid-19.

 

O Seminário é destinado a representantes dos Ministérios de Desenvolvimento Social da Argentina, Brasil, Paraguai e Uruguai e dos Estados Associados do MERCOSUL responsáveis pela elaboração e implementação de programas de transferência de renda, bem como técnicos dos governos provinciais e municipais, pesquisadores e estudantes da região.

 

Programa

O Seminário será composto por uma Conferência Central, “Políticas de proteção social pós-pandemia”, com Ugo Gentilini, Economista Sênior de Proteção Social e Práticas Trabalhistas do Banco Mundial (Líder Global de Assistência Social do Banco Mundial), e três painéis: “Transferências monetárias e condicionalidades”, “Transferências monetárias focalizadas” e “Arquiteturas digitais para proteção social”, com apresentações de especialistas nacionais e internacionais. A programação completa pode ser acessada aqui.

 

Participarão da abertura ministros e autoridades de Desenvolvimento Social dos Estados Partes, como o ministro Martin Lema, do MIDES Uruguai.

 

Na sessão de encerramento estarão Antonio Manzi, Diretor de Transferência e Análise de Dados do Ministério do Desenvolvimento Social do Uruguai, e Mariana Penadés, Diretora Executiva do Instituto Social MERCOSUL.